Após uma grande parceria na edição impressa, volto a contribuir nesta nova fase do Portal Manchete do Vale com a coluna "Cultura do Vinho". Sou natural do Mato Grosso do Sul, região das cidades de Dourados e Ponta Porã. Meu avô, marinheiro alemão Arnold Radeke, que chegando ao Brasil entre os anos 30 e 40, iniciou nesta mesma região um comércio de bebidas que mais tarde se tornou um dos primeiros distribuidores da Companhia Cervejaria Brahma.

Cresci nesse meio e mais tarde ao fazer Agronomia na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, nos anos 80, passei a frequentar os restaurantes italianos da época, onde nasceu o meu encanto pelo “mundo dos vinhos”. Mais tarde, ao morar na Alemanha por um ano e na Itália por dois anos, fiz curso para me tornar Sommelier Europeu, me formando em Sommelier A.I.S, no ano de 2007.

Retornando ao Brasil, como já frequentava um Grupo de Estudos Avançados do Vinho, conduzido pelo atual Bicampeão Brasileiro e Campeão Pan Americano, o Sommelier Guilherme Corrêa, fui convidado a montar a segunda Enoteca Decanter do Brasil. Atualmente trabalho e administro junto com meu filho Augusto Radeke, a Enoteca Decanter de Balneário Camboriú, desde 2007, onde divulgo minha paixão que é a “Cultura do Vinho”. 

Prowein

Recentemente participei de mais uma Prowein, feira de vinhos internacional, realizada em Düsseldörf, Alemanha, que cresce de importância a cada edição. Na oportunidade pude constatar que apesar das crescentes incertezas na economia mundial, o setor dos vinhos vem se mantendo dinâmico e aquecido nos principais países produtores e consumidores de vinhos. Nas próximas colunas vou destacar as várias oportunidades que tive de comprovar este fato. 

Da esquerda para a direita: Steffano Zannier, Tony Radeke, Dirceu Vianna Jr. MW e Guilherme Corrêa. Arquivo Pessoal


Tony Radeke

COMENTE ESSA HISTÓRIA