Bernardo Marucco/Comunicação CNMD

Pela oitava rodada do Campeonato Catarinense da Série B, o Marcílio Dias recebeu o Guarani de Palhoça no Estádio Doutor Hercílio Luz, em Itajaí. E mesmo com o grande apoio do seu torcedor, o rubro-anil não se deu bem contra a equipe de Palhoça. Dominando o jogo, o Guarani fez 2 a 0 no Marinheiro, com um gol em cada tempo. 

Na primeira etapa, os visitantes abriram o placar com o atacante Juliano Levak, em contra-ataque. Do outro lado, o Marinheiro chegou com perigo em chances de Schwenck, mas não balançou as redes e foi para o intervalo perdendo por 1 a 0. 

Com uma postura mais ofensiva, o time do treinador Tonho Gil voltou mais agressivo para o segundo tempo. Schwenck chegou novamente com perigo, junto com Ari, Allyson e Matheus Henrique. No entanto, os atacantes do Marinheiro pararam no goleiro Lucas. Já o Guarani aproveitou uma chance com o volante Bruno para matar o jogo, em mais um contragolpe. Pouco tempo depois, Rodrigo Couto foi expulso pelo árbitro Bráulio da Silva Machado, que também mandou o volante Baralhas, do Guarani, para o chuveiro mais cedo. Um jogador a menos para cada lado e placar final de 2 a 0 para o time de Palhoça. 

Em campo, o técnico Tonho Gil escalou o Marinheiro com Rafael Kahn, André Krobel, Gustavo, Rogelio e Adriano Chuva; Gabriel Vieira (entrou Allyson), Urnau (entrou Matheus Henrique), Rodrigo Couto, Ari e Yannick; Schwenck. 

O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais