Os estelionatários solicitam o pagamento para o custeio de tratamentos que são ofertados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O golpe geralmente é feito por ligação telefônica, quando é solicitado o pagamento de um valor em nome do Hospital Marieta referente ao tratamento na UTI, enganando familiares e pacientes.

De acordo com a diretora geral da instituição, Irmã Mercia Lemes, não é cobrado qualquer tipo de serviço proveniente do SUS. “Mesmo em casos particulares, com atendimentos via convênio de saúde, as cobranças não são feitas desta forma. Qualquer ligação cobrando valores referentes a tratamentos em nome do Hospital Marieta é golpe e os familiares não devem proceder com o pagamento”, alerta. Entre as cobranças indevidas solicitadas pelos golpistas estão valores de honorários médicos. Em casos de abordagem, a direção do Hospital Marieta orienta para que os familiares comuniquem imediatamente a administração e registrem um boletim de ocorrência na delegacia civil. 

COMENTE ESSA HISTÓRIA