Itajaí foi destaque no lançamento do Plano 1000, no Teatro Ademir Rosa, no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis. Na noite desta terça-feira (14), a cidade garantiu R$ 226 milhões para acelerar o ciclo de desenvolvimento pautado pelas obras públicas distribuídas pelos bairros de Itajaí. O prefeito Volnei Morastoni assinou de forma simbólica o convênio com o Governo de Santa Catarina e representou os 70 gestores dos maiores municípios catarinenses contemplados com o pacote de verbas.

Na solenidade, o prefeito Volnei Morastoni apresentou ao governador Carlos Moisés, prefeitos e demais autoridades os projetos da transformação iniciada em Itajaí nos últimos anos. Em seu discurso, Morastoni destacou a revolução da mobilidade urbana com a abertura de novas vias, construção de pontes e prolongamento de ruas e avenidas.

“Estamos ávidos por recursos financeiros por investimentos em nossas cidades. Estamos perante nossa população munidos de sonhos, planos de trabalho e projetos em favor do bem comum", disse o prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, depois de detalhada apresentação em vídeo sobre os projetos da cidade.

"Em nome de todos os prefeitos e as prefeitas e dos cidadãos de toda Santa Catarina, agradeço ao governador Moisés por deixar um importante legado para a história de Santa Catarina e de fortalecimento do municipalismo", finalizou Morastoni.

Itajaí foi citada como exemplo e motivadora do programa estadual, durante o evento. "Foi depois de uma viagem a Itajaí, quando vimos os projetos, que entendemos a necessidade do Plano Mil", explicou o chefe da Casa Civil de Santa Catarina, Eron Giordani.

Depois da assinatura simbólica celebrada entre o Governo de Santa Catarina e o Município de Itajaí, o prefeito Volnei Morastoni recebeu uma gaveta, símbolo do Plano 1000. O programa vai favorecer os municípios e fortalecer os locais. "Esse nosso gesto de assinar o primeiro convênio com o Município de Itajaí é um marco para tirarmos o municipalismo do papel", pontuou o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés.

Mais obras em Itajaí

Nos últimos anos, Itajaí vive um ciclo de desenvolvimento pautado pelo Planejamento Estratégico e com olhar voltado para o futuro. Obras concluídas que interferem na qualidade de vida dos cidadãos como a praça de Esportes do Santa Regina e o Largo da Matriz; a implantação dos binários do Centro da cidade e o prolongamento de vias; a infraestrutura de combate aos alagamentos da macrodrenagem do Rio Bonito; e a reurbanização de importantes avenidas.

Com o aporte financeiro do Plano 1000, Itajaí quer transformar em realidade outras importantes obras estruturantes.

O Binário da Avenida Osvaldo Reis criará o maior corredor econômico de Santa Catarina ao duplicar a ligação entre Itajaí e Balneário Camboriú. Um investimento para construir uma nova avenida com faixa exclusiva para transporte público, ciclovias e amplas calçadas. A obra está com o projeto executivo concluído e aguarda o licenciamento ambiental. A previsão é iniciar os trabalhos no primeiro semestre de 2022.

Este audacioso investimento vai se interligar na construção do Acesso Sul de Itajaí, entre a avenida Osvaldo Reis à rodovia BR-101. A iniciativa está na fase de contratação do projeto da nova avenida de quase cinco quilômetros de extensão. A proposta de implantação de uma avenida de acesso aos bairros Praia Brava e Cabeçudas pela rodovia federal atende à necessidade dos moradores e turistas que frequentam as praias de Itajaí.

O binário de acesso à Murta construirá novos acessos e soluções viárias para as regiões de Espinheiros, Murta, Salseiros e Cordeiros. Com a implantação de um retorno de quadra na rua Doutor Reinaldo Schmithausen e um novo binário na Murta, a obra constrói a infraestrutura necessária para os estaleiros na região.

O Binário da Murta integrará ainda a construção de marginais no curso d’água desde o Espinheiros até a Murta, promovendo desenvolvimento sustentável, aliado à preservação e cuidado ao meio ambiente. Serão quatro quilômetros de novas avenidas em um investimento de R$ 60 milhões. O projeto está em execução e na fase de licenciamento ambiental.

Outro grande projeto pautado para o pacote de investimentos dos próximos cinco anos é o Eixo Viário Oeste. A proposta prevê a implantação de uma avenida de quase 10 quilômetros de extensão para interligar as rodovias Jorge Lacerda e Antônio Heil. A intervenção pretende também se interligar à avenida Adolfo Konder, principal corredor de deslocamento e acesso a Itajaí.

Com o planejamento voltado para o futuro, Itajaí se consolida na condução de grandes obras segurada pelo aporte financeiro de instituições internacionais e verbas federais e estaduais, em especial o Plano 1000.

COMENTE ESSA HISTÓRIA