Iniciou nesta segunda-feira (27), a nova etapa do conjunto de obras de macrodrenagem na Avenida Joca Brandão, Centro de Itajaí. Durante os trabalhos dessa segunda etapa, o trecho da Joca Brandão nos cruzamentos Avenida Beira Rio até a Rua XV de Novembro fica interditado nos dois sentidos.

De acordo com o andamento da obra, o trânsito será liberado. No início do mês, Secretaria de Obras, Codetran, Semasa e a empresa que executa a obra se reuniram para definir as estratégias de garantir a segurança e agilidade dos trabalhos. “Essa obra vai impactar bastante na dinâmica de trânsito da região, por isso nos reunimos para discutir algumas situações na hora da implantação. A ideia é deixar tudo bem definido para evitar possíveis transtornos”, explica o Secretário Adjunto, Rogério Rocha.

A obra de macrodrenagem foi dividida em sete etapas, que serão realizadas até 2018. A obra visa solucionar os problemas crônicos de alagamentos nas Avenidas Joca Brandão, Sete de Setembro, Marcos konder e Abraão João Francisco, além das Ruas Lauro Muller, Quinze de Novembro, Camboriú, João Bauer, Alércio de Souza Flor e Carlos Hugo Praun.

“Temos problemas sérios de alagamentos na região central da cidade e essa obra de macrodrenagem deve resolver essa situação. É uma obra grande, que gera alguns transtornos para quem circula naquela área, mas é um grande benefício que fica para toda a cidade”, conclui o Secretário de Obras, Márcio José Gonçalves – Dedé.

Ao todo, a obra compreende 895 metros de galeria na Joca Brandão (tubos de 2,5 x 2 metros entre o Rio Itajaí Açu e a Avenida Marcos Konder), 152 metros de galerias (1,5 x 1,5 metro) ligando a Avenida Joca Brandão a Avenida Abraão João Francisco, 675 metros de tubos (bitola de 1,2 metro) na Avenida Marcos Konder no trecho entre a Avenida Joca Brandão e o Hospital Marieta Konder Bornhausen e na Rua João Bauer. Além das galerias, a verba garante recompor a pavimentação em todo o trecho.

A ordem de serviço da obra orçada em de 4,6 milhões de reais foi assinada no gabinete do Prefeito Volnei Morastoni em 22 de setembro. Os recursos advêm do Orçamento Geral da União (OGU) através de convenio firmado entre o Governo Federal e a Prefeitura de Itajaí.

O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA