Cerca de 120 crianças e jovens da escolinha de surfe do Projeto Oficinas participam nesta sexta-feira (23) de festival na Praia Central, de Balneário Camboriú. A atividade visa integrar os alunos que participam da oficina em uma atividade não competitiva. Todos os participantes serão premiados com medalhas. O Festival de Surfe ocorre na altura da Rua 1101 ao lado do Posto de Guarda Vidas 02.

Além de surfar, eles irão participar de duas atividades na areia: a Corrida de Nadadeira e o Salvamento de Tartarugas. No salvamento os participantes serão divididos em grupos e terão que recolher pequenos lixos da praia, que podem ir parar no mar e serem engolidos pelas tartarugas. “É uma atividade educativa, que visa conscientizar os pequenos sobre os cuidados com o lixo na praia, que pode causar a morte dos animais marinhos. Por isso o nome Salvamento de Tartarugas”, contou o professor Juliano Laghe Pagnoncelli.

A oficina de surfe é realizada durante todo o ano, seguindo o calendário escolar, com crianças da Rede Municipal de Ensino. Elas acontecem duas vezes por semana e os alunos recebem prancha e roupa especial para a pártica esportiva. Os alunos têm de 06 a 15 anos e são acompanhados por quatro professores: Juliano Laghe Pagnoncelli, Simone Yoshida Maynieri, Marcelo Soldatelli e Valdecir Guth.

Além das aulas de surfe, alguns alunos também participam do Projeto Oceano da Univali, que fortalece a oficina. No projeto são realizadas saídas de campo e visitas ao laboratório de oceanografia da universidade. Estudantes da APAE também praticam a oficina de surfe nas terças-feiras.

As vagas para as aulas de surfe do Projeto Oficinas já encerraram e há lista de espera para o segundo semestre. Atualmente, o Projeto Oficinas tem 3.200 alunos que participam de 36 oficinas gratuitas na sede do projeto, no Bairro dos Municípios, no polo do Bairro da Barra e em algumas escolas. Muitos deles fazem mais de uma aula, o que resulta em cerca de 7 mil atendimentos por mês.


O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais