Itajaí/SC - Na quarta-feira, 21 de fevereiro, das 9h às 17h, será realizada a eleição para reitor da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e presidente da Fundação Universidade do Vale do Itajaí, entre 2018 e 2022, tendo como candidatos dois vice-reitores: Cássia Ferri, de Graduação; e Valdir Cechinel Filho, de Pós-graduação, Pesquisa, Extensão e Cultura.

A eleição, que ocorre no Plenário dos Conselhos Superiores, localizado na sala 111 do bloco B6, no Campus Itajaí, segue os estatutos e regimentos da Fundação Univali e da Universidade, o edital e o regulamento geral para a eleição. A apuração será realizada no mesmo local, logo após o término da votação.

Para ser eleito, o candidato precisa conseguir 50% mais um do total de votos dos membros do Colégio Eleitoral, que representam todos os segmentos da Universidade, além de entidades parceiras e da administração municipal das cidades onde há campus universitário, na formação dos Conselho Universitário (Consun), Conselho de Administração Superior (CAS), e Conselho Curador.

Caso nenhum dos dois candidatos alcance o total de votos necessários, a Comissão Eleitoral designará uma nova eleição, dentro de até 30 dias, em que vencerá o candidato que obtiver o maior número de votos válidos. O vencedor substituirá o professor e advogado Mário Cesar dos Santos, que comanda a Instituição desde 2010.

Um deles comandará a Universidade pelos próximos quatro anos




Cássia Ferri é mestre em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), doutora em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP) e uma autoridade no meio acadêmico na área de currículos para a Educação Básica e Superior. Desde 1991 atua como consultora e coordenadora da Proposta Curricular do Estado de SC e teve atuação destacada no processo de elaboração da Base Nacional Comum Curricular.

Na Univali, é vice-reitora de Graduação desde 2014, tendo sido anteriormente pró-reitora de Ensino (2010-2014) e gerente de Ensino e Avaliação (2002-2010). Além disso, desde 2000 participa ativamente do Programa de Pós-Graduação em Educação - Mestrado e Doutorado - como professora e pesquisadora.

É líder do Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas de Currículo e Avaliação e já formou mais de 40 mestres e doutores em educação. A dedicação à pedagogia universitária já lhe rendeu homenagens como a da Academia Catarinense de Odontologia que lhe outorgou a "Medalha Acadêmico Samuel Fonseca".

Também dedica a atenção a outras temáticas estratégicas como a formação de professores e a avaliação de sistemas educacionais, registrada em 24 livros, capítulos de livros e organização de obras e mais de uma centena de artigos.

É, atualmente, presidente do Fórum Estadual de Educação de SC, membro da Comissão Estadual para Monitoramento e Avaliação do Plano Estadual de Educação 2015/2024, membro do Fórum Estadual de Formação Docente, avaliadora de instituições e cursos de ensino superior e parecerista de revistas especializadas. Além disso, foi nomeada para o Conselho Consultivo da Secretaria de Regulação e Supervisão do MEC, em 2016.




Valdir Cechinel Filho é mestre e doutor em Química Orgânica pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi pró-reitor de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura da Univali durante 12 anos e, desde, 2014 ocupa o cargo de vice-reitor de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Cultura na Instituição, além de ser pesquisador 1C do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

É também coordenador internacional da Rede Iberoamericana de Estudo e Aproveitamento Sustentável da Biodiversidade Regional de Interesse Farmacêutico (Ribiofar) e da Rede Iberoamericana de Investigação em Câncer (Ribecancer), ambas apoiadas pelo CYTED e CNPq, envolvendo 16 países e 40 Grupos de Pesquisa.

Atua, como editor associado e assessor científico para inúmeros periódicos especializados. É autor de 35 livros, capítulos de livros e de mais de 350 artigos científicos publicados em periódicos especializados nacionais e internacionais, além de 11 depósitos de patentes nacionais e internacionais.

Participa, ainda, ativamente na formação de recursos humanos com mais de 50 dissertações de mestrado e teses de doutorado orientadas. Sua intensa atuação na ciência e tecnologia permitiu que recebesse da Fapesc, em 2012, o Prêmio Caspar Stemmer de Inovação, na categoria Protagonista de Inovação.

Também foi indicado, em 2013, como finalista do Prêmio Santander-Guia do estudante, pelo projeto desenvolvido em parceria com a Indústria Farmacêutica Eurofarma e, em 2015, foi indicado como finalista na categoria Ciência e Inovação, com o projeto intitulado "Busca de novos e efetivos agentes anticâncer a partir da biodiversidade brasileira".

Pleito define rumos de uma das principais organizações do Estado

Em disputa está o comando da 37ª maior organização do Estado e 3ª melhor grande empresa para trabalhar em SC, segundo a Revista Amanhã. Ela também é a instituição de ensino superior mais sustentável da região Sul, segundo o UI GreenMetric World University Ranking 2017, e melhor universidade não-estatal de Santa Catarina segundo o Ministério da Educação (MEC), Ranking Universitário da Folha de S. Paulo (RUF) e Guia do Estudante da Editora Abril, que classifica 44 de seus cursos de graduação entre os melhores do País.




Uma Instituição de Ensino Superior com características distintas, visto que, por sua natureza Comunitária, apesar da cobrança de mensalidades, não há fins lucrativos. Nela, todo o recurso arrecadado com o valor das mensalidades é utilizado para cobrir os custos de sua manutenção e devolvido para a sociedade por meio de ações de ensino, pesquisa, extensão e cultura, pois está voltada para o coletivo. Para o bem comum.

E, por sua caracterização jurídica e seu compromisso de devolver seus resultados para a população que a acolhe, a Univali tem acesso a vários programas de bolsas e financiamentos governamentais que garantem que mais de 70% de seus alunos da graduação tenham acesso a algum tipo de benefício para a manutenção de seus estudos.

Ela está presente ao longo de todo o litoral Centro-Norte de Santa Catarina, com nove campi, oferecendo mais de 80 cursos de graduação entre bacharelados, licenciaturas e tecnólogos, atendendo quase 25 mil alunos, com ensino desde a educação básica, por meio dos Colégios de Aplicação (CAU), até a pós-graduação, destacando a oferta de dez mestrados e seis doutorados, todos recomendados pela Capes/MEC.

Além disso, a Universidade conta com bibliotecas em todos os campi com mais de 500 mil livros, periódicos e acesso a bases de dados; mais de 500 salas de aula e 250 laboratórios. Corpo docente composto por 1.203 professores (72,6% deles mestres e doutores); e ambiente virtual de aprendizagem para a educação a distância. Assim, a Univali opera no ensino, pesquisa e extensão, em grandes áreas do conhecimento: Ciências da Saúde; Ciências Sociais Aplicadas - Gestão; Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação, Turismo e Lazer; Ciências Sociais e Jurídicas; e Ciências Tecnológicas da Terra e do Mar.

E é isso que, aliado a estrutura da Fundação Univali - responsável, ainda, pela manutenção do Hospital Infantil Pequeno Anjo, da Rádio Univali, da TV Univali, do Museu Oceanográfico Univali, do Laboratório Escola de Análises Clínicas (Leac), e de uma editora - somado com sua atuação em pesquisa e extensão e seus convênios com universidades em todo o mundo, fazem da Univali uma Universidade Comunitária, e a melhor de Santa Catarina. Um legado para ser preservado e fortalecido.

Outras informações: (47) 3341-7889, com a Coordenadoria de Marketing e Comunicação da Univali.

COMENTE ESSA HISTÓRIA