Para desafogar a fila de cirurgias de catarata, o Município de Itajaí, por meio da Secretaria de Saúde, iniciou neste sábado (18) um mutirão no Hospital e Maternidade Marieta Konder Bornhausen. Até o final do ano serão realizadas 270 cirurgias de catarata em pacientes do município. Para chamar quem está na fila de espera para realizar o procedimento, a Secretaria fez uma força-tarefa no setor de regulação. O investimento será custeado com recursos do Governo Estadual.

Além das cirurgias de catarata, o Hospital Marieta se comprometeu em realizar até o fim de dezembro mais 173 cirurgias de média complexidade de diversas especialidades. A Secretaria também segue enviando pacientes para o Hospital de Massaranduba, onde são feitas 60 cirurgias por mês de proctologia, ginecologia, urologia e cirurgia geral. Já no Hospital de Nova Trento estão sendo feitas cirurgias de joelho e no Hospital de Camboriú devem iniciar as cirurgias ginecológicas para o município.

“Essas cirurgias de catarata irão reduzir a fila de 800 pacientes que temos atualmente. A Secretaria de Saúde segue buscando parcerias com outros hospitais da região no sentido de cada vez reduzirmos mais a fila de cirurgias, que é nosso maior problema atual, principalmente de média complexidade, uma vez que o Hospital Marieta é voltado às cirurgias de alta complexidade e isso dificulta e muito para os pacientes que precisam de cirurgias de média complexidade. Por isso, estamos fazendo de tudo para que a gente possa, gradualmente, resolver esse problema no município”, afirma o secretário de Saúde de Itajaí, Celso Luiz Dellagiustina.

O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA