O Centro de Atenção Psicossocial de Balneário Piçarras (CAPS) prepara evento que vai discutir um delicado tema: o suicídio. No próximo dia 14 de setembro, o CAPS promove o 1º Seminário de Prevenção ao Suicídio, reunindo especialistas e o Centro de Valorização da Vida (CVV), que irão coordenar um amplo diálogo sobre a questão. O seminário tem início previsto para às 13h, no auditório da Universidade do Vale do Itajaí (Univali, campus de Balneário Piçarras).

De acordo com a psicóloga do CAPS, Kelly Correia Fagundes, o evento foi articulado em virtude do número elevado de pessoas que buscam ajuda no serviço municipal de saúde. "Atendemos, em média, dez pessoas por mês que relatam o pensamento suicida como solução para seus problemas pessoais", afirmou a profissional. Os encaminhamentos ao CAPS acontecem automaticamente em consultas médicas nas Unidades Básicas de Saúde e até mesmo no Pronto Atendimento 24h – quando já há a tentativa.

O evento também vai ao encontro do "Setembro Amarelo", que é uma campanha nacional de conscientização sobre a prevenção do suicídio, com o objetivo direto de alertar a população a respeito da realidade do suicídio no Brasil e no mundo e suas formas de prevenção. "Muitas são as patologias que levam as pessoas a procurar o suicídio. As mais comuns, aqui, são depressão, drogadição e a esquizofrenia", completou Kelly.

A aposta da Rede Pública de Saúde é de abordar o tema como forma de estimular as pessoas que sofrem com este mal silencioso a procurarem ajuda. Kelly será uma das palestrantes do Seminário, que tem ainda a psiquiatra Marlise Guadalupe e a equipe do CVV. O evento é aberto à toda comunidade, envolvendo ainda todos os setores da Saúde Pública de Balneário Piçarras.

O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA