Na última semana, na rodovia 116, em Ponte Alta- SC, uma ação conjunta da Polícia Civil, por meio de DENARC e DFRV - DEIC, DIC e Canil de São Lourenço do Oeste, Receita Federal do Brasil e Polícia Rodoviária Federal, realizou a apreensão de 5.104 quilos de maconha e aproximadamente 4 quilos de skunk. Esta foi considerada a maior apreensão já registrada em solo Catarinense. Além disso, três pessoas foram presas em flagrante por tráfico de drogas interestadual e associação para o tráfico. As toneladas de maconha apreendidas foram apresentadas neste sábado (8), na DEIC.  

O Poder Judiciário e o Ministério Público já analisaram a legalidade das ações das forças de segurança, tendo sido decretadas as prisões preventivas dos três envolvidos.  Foram presos: o motorista que realizava o transporte da droga em um caminhão BI TREM e, ainda, dois irmãos que atuavam como "batedores", apontados como sendo os donos da droga.

As investigações apontam que os dois irmãos presos também são donos das drogas apreendidas em maio/2017 (5029 quilos de maconha) e junho/2017 (4.700 quilos de maconha), o que está sendo objeto de apuração por meio de Inquérito Policial na DENARC/DEIC.


Com esta ação, os trabalhos conjuntos Polícia Civil, PRF e Receita Federal, somente nesse ano de 2017, resultaram na apreensão de aproximadamente 15 toneladas de maconha e prisão de 5 pessoas, o que demonstra a eficácia das parcerias firmadas em prol da sociedade Catarinense.

Fonte: Polícia Civil SC

O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais