O Cemitério de Gatos de Blumenau é um dos destaques do guia lançado neste mês pela editora da Fundação Catarinense de Cultura (FCC). O primeiro volume da coleção tem como tema o "Patrimônio Cultural Funerário Catarinense", fruto de um levantamento pioneiro no País sobre bens funerários materiais e imateriais. Com tiragem inicial de mil exemplares, o guia também está disponível para download no site http://www.fcc.sc.gov.br.

A pesquisa e o conteúdo levam a assinatura da doutora em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (Ufsc) e vice-presidente da Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais (Abec), Elisiana Trilha Castro. O guia lista mais de 30 cemitérios em sete regiões do Estado, incluindo o idealizado, em Blumenau, por Edith Gaertner.


Um cemitério exótico, e talvez único no mundo, recebe visitas de turistas e blumenauenses atraídos pela curiosidade. Edith sepultava seus animais de estimação seguindo um ritual funerário e cortejo. O espaço, situado no horto botânico da Fundação Cultural, é cercado por árvores e esculturas. O ambiente possui trilhas, bancos e mesas para o conforto dos visitantes. Chegou a ter 50 sepulturas, mas, após a restauração e revitalização do espaço, foram conservados nove túmulos.

O local faz parte do complexo do Museu da Família Colonial, incluído na rota de visitação. O acesso pode ser pela Rua das Palmeiras ou pela Rua XV de Novembro, das 10h às 16h. Interessados podem entrar em contato pelo telefone 3381-7516. A entrada é gratuita.


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais