Na última sexta-feira, 13, por volta das 16h, uma guarnição PM prestou atendimento a uma ocorrência de abuso sexual na rua Jovelino Generoso Leite, bairro Murta.

Segundo informações, se tratava de uma ocorrência de ato obsceno. A guarnição em rondas pela rua César Augusto Dalcoquio,  bairro Salseiros, foi abordada por uma mulher, ela informou que um homem  no interior de um veículo GM CORSA, havia abordado a sua filha de 11 anos, em via pública e mostrado a genitália. 

De imediato, os policiais saíram em rondas. Em frente a uma residência, a guarnição se deparou com o veículo que possuía as características repassadas pela comunicante.  Em seguida, os policiais realizaram a abordagem do veículo.

No interior do veículo nada de ilícito foi encontrado e na condução do mesmo estava o E. C. Em seguida, os policiais o questionaram sobre a denúncia apresentada pela mãe da menor, aonde o agente veio a negar os fatos. Porém, a criança de imediato reconheceu o veículo, sendo explicado ao individuo que até o presente momento ele seria conduzido para a Delegacia de Polícia como um suspeito de crime de ato obsceno.

A criança a todo o momento estava muito nervosa e chocada com a situação. Ao chegar na Delegacia foi mostrado a foto do suspeito,  momento em que a menor veio a reconhecer de imediato o autor e ainda disse aos prantos que “parecia que estava vivenciando aquele constrangimento novamente”. 

Em seguida, foi proferida a voz de prisão pelo crime contra a dignidade sexual, ato obsceno, e E.C., de 47anos, (M), foi encaminhado a Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis.  Vale destacar que o agente já possui passagens por lesão corporal, ameaça contra mulher, desacato, apropriação indébita, lesão corporal dolosa adolescente (Violência doméstica), ameaça contra homem, lesão corporal dolosa homem, Dano, Calúnia, Difamação, injúria, furto em residência, invasão de propriedade e perturbação do trabalho ou sossego alheio.

O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais