A Operação Stalker tenta desarticular um grupo de hackers, que invade as contas dos clientes e desvia os valores para contas em nome de laranjas para, posteriormente, sacar e lavar o dinheiro.

A ação ocorreu em São Luís, no Maranhão e Parauapebas, no Pará.

Durantes as buscas foram apreendidos computadores, pen drives, celulares e outros bens, incluindo um carro importado. Duas pessoas ainda estão foragidas e são procuradas pela Polícia Federal (PF).

A Caixa Econômica não informou quanto foi desviado dos correntistas. A empresa disse que detalhes sobre eventos criminosos são repassados exclusivamente às autoridades policiais.

A Caixa acrescentou que coopera integralmente com as investigações.

O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais