Se você tem entre 15 e 29 anos e renda familiar de até dois salários mínimos tem o direito à Identidade Jovem. A ID Jovem possibilita meia-entrada em eventos artístico-culturais e esportivos e até vagas gratuitas em transporte interestadual. O documento já está sendo emitido para os itajaienses.

Um mapeamento prévio da Secretaria Nacional de Juventude revelou que Itajaí possui mais de 3,5 mil jovens em condições da fazer a ID Jovem. A identidade não requer que o jovem seja estudante e a solicitação é muito mais simples, pois pode ser feita por meio de aplicativo no celular.

"É um mecanismo rápido e seguro. Basta o jovem estar inscrito no Cadastro Único do Governo Federal, com informações atualizadas há pelo menos 24 meses", explica o padrinho da ID Jovem em Itajaí, vereador Thiago Morastoni.

Como o programa ainda é pouco conhecido na cidade, o vereador articulou junto com a Secretaria da Criança, Adolescente e Juventude a vinda de profissionais do governo federal para auxiliar nessa implementação. Uma capacitação de servidores de várias secretarias que irão auxiliar no cadastramento já está marcada para o dia 09 de agosto.

"Estaremos juntos capacitando essas pessoas das secretarias da Criança e do Adolescente, Desenvolvimento Social, Comunicação, Cultura, Procon e outras pastas para que possam sanar as dúvidas dos jovens interessados. Num segundo momento teremos ainda um grande lançamento", explica o consultor da Secretaria Nacional de Juventude, Marcos Correia.

"Muitas vezes não nos damos conta do quanto alguns benefícios podem facilitar a vida dos nossos jovens. A gratuidade da passagem, por exemplo, possibilita que se preste vestibular em outros estados. Houve casos de jovens que conseguiram participar de competições esportivas importantes graças também a esse benefício", completa o padrinho da ID Jovem em Itajaí. 

Condições para fazer a ID Jovem

·Ter entre 15 e 29 anos (o benefício também vale para não estudantes)


·Estar inscrito no Cadastro Único do Governo Federal ( com cadastro atualizado há pelo menos 24 meses)


·Para incluir ou atualizar seus dados, procure o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou o setor responsável pelo Cadastro Único da sua cidade.


·Ter renda familiar de até dois salários mínimos


·Você precisa ter em mãos o Número de Identificação Social. Não sabe o seu? Consulte seu Cartão Cidadão, no extrato do FGTS, na sua Carteira de Trabalho, no aplicativo da ID Jovem.

Fonte: Assessoria de Imprensa - Marjorie Basso.


O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)

Entre em contato também pelo WhatsApp: (47) 9 9969-1277


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais