O Vereador Otto (PRB) enviou ofício de repúdio ao Ministro Marcos Pereira, que assumiu a pasta do Desenvolvimento, Indústria e Comércio do Presidente Michel Temer. "Não vejo explicações que me façam aceitar que esta escolha tenha sido justa", escreveu o Vereador Otto, ao se referir sobre o sorteio das licenças para pesca, realizado no dia 25 de maio.

No documento, entregue para o Ministro Marcos Pereira (PRB), Otto explica que Itajaí emprega centenas de pessoas no setor pesqueiro, sendo uma das cidades com maior número de embarcações em serviço. Assim, é injusto que as cidades não tenham cota de licenças, com base no número de embarcações cadastradas junto ao município. Dessa forma, o sorteio poderia ser considerado justo. Os profissionais estão entrando com ações na justiça para garantir o direito de trabalhar - sete liminares foram concedidas para que embarcações pudessem receber a licença.

O Vereador Otto espera receber uma resposta do Ministro, esclarecendo a situação. Desde que a pesca passou a ser de responsabilidade do Ministério da Indústria, muitos problemas legais ficaram sem solução, prejudicando o trabalho dos pescadores de Itajaí e região. O setor gera muitos empregos em Itajaí e movimenta a economia local. São pescadores que ganham o sustento de suas famílias, seguido de restaurantes que empregam dezenas de cozinheiros e atendentes. A falta do peixe em Itajaí pode gerar sérias complicações econômicas.


O que você achou desta notícia? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Quer receber as notícias em primeira mão?

Participe do nosso canal no Telegram:

https://t.me/manchetedovale (@manchetedovale)


COMENTE ESSA HISTÓRIA

Exibir mais